Notícias

Tragédia da Vale e queda na produção de café puxam economia de Minas para baixo

Por Redação, 13/12/2019 às 14:50
atualizado em: 13/12/2019 às 15:02

Texto:

Foto: Jéssica Moreira/Itatiaia
Jéssica Moreira/Itatiaia

A Fundação João Pinheiro (FJP) divulgou na manhã desta sexta-feira o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) – soma de todas as riquezas – de Minas entre outubro de 2018 e setembro deste ano, com queda de 0,2%. O resultado vai na contramão do Brasil, que apresentou crescimento nos últimos meses e tem como projeção aumento de 1,1% em 2019.

Segundo o economista da FJP Raimundo de Souza, quatro fatores reduziram os recursos no estado: a interrupção da produção mineral após o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e mudança nas leis para a mineração, a desaceleração na manufatura, a produção da administração pública diante do ajuste fiscal e a queda na produção cafeeira.

“Nos anos pares, temos uma produção acima da média e, nos anos ímpares, abaixo. Houve cerca de 20% a menos [de produção] do que no ano passado”, explica. “Os setores da cadeia metalmecânica foram afetados: fabricação de produtos de metal, máquinas, equipamentos, produção de veículos”, completa.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️Na outra semifinal, o Brusque visitou o Juventus no estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC), e venceu por 3 a 2. #Itatiaia

    Acessar Link